16.6.15

Steve Bernard, Solista de Orgao e Seus Ritmistas - Porque Brilham Teus Olhos (1957)

Fantasia/Philips SLP 1805

The other promised album by Steve Bernard out of the current package.

Instead of writing about this release, I will just point to the back cover text written by J. Cascata, as a text is worth more than a thousand words.

The list of musicians reveals which instrument is played by whom, but opens a new dilemma: Is Silvio Viana actually Sylvio Vianna?

Steve Bernard (Órgão)
Gagliard (Baixo)
Anestaldo Américo (Bateria)
Nestor Campos (Guitarra)
Silvio Viana (Ritmo)

Nothing questionable about the track listing, though:

01. Porque Brilham os Teus Olhos (Fernando César)
02. O Gênio da Marly (Silvio Viana)
03. Stranger In Paradise (Robert Wright / George Forrest)
04. Curruira Saltitante (Lina Pesce)
05. Tic-tac (Steve Bernard)
06. Odeon (Ernesto Nazareth)
07. Blue Canary (Vic Florino)
08. Teus Olhos Entendem os Meus (Haroldo Eiras / Victor Berbara)
09. Apanhei-te Cavaquinho (Ernesto Nazareth)
10. La Petite Valse (Joe Heyne)
11. Pintassilgo Apaixonado (Lina Pesce)
12. Eu Desejo (Henrique Hazan)

FANTASIA

Créditos: Pedro & 300discos
  
ABOUT IRMA ALVAREZ by Alberto:
Não posso deixar de ressaltar, que fiquei emocionado com a capa do mesmo, ao ver a foto da belíssima e talentosa atriz Irma Alvarez (já falecida), argentina de nascimento, mas brasileira de coração. Como ela era linda, no seu tempo de modelo e vedete, nos espetáculos do teatro de revista. Posteriormente, revelou-se uma atriz extraordinária e premiada, pelo seu desempenho no filme Porto das Caixas (1962) de Paulo César Saraceni, também, foi artista plástica nos seus últimos anos de vida, além, de ter sido sempre, uma mulher sensível, gentil, bem educada, enfim, um ser humano da melhor qualidade.

2 comments:

  1. Prezado Milan:
    Mais um raríssimo Lp do Steve Bernard (1957), que devemos agradecer a generosidade de sua postagem, mas, não posso deixar de ressaltar, que fiquei emocionado com a capa do mesmo, ao ver a foto da belíssima e talentosa atriz Irma Alvarez (já falecida), argentina de nascimento, mas brasileira de coração. Como ela era linda, no seu tempo de modelo e vedete, nos espetáculos do teatro de revista. Posteriormente, revelou-se uma atriz extraordinária e premiada, pelo seu desempenho no filme "Porto das Caixas" (1962) de Paulo César Saraceni, também, foi artista plástica nos seus últimos anos de vida, além, de ter sido sempre, uma mulher sensível, gentil, bem educada, enfim, um ser humano da melhor qualidade.
    Muito obrigado, Milan, mais uma vez.
    Atenciosamente,
    Alberto (Niterói-RJ)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Thank you very much for your information and text about Irma Alvarez, Alberto.

      Delete